19 fevereiro 2015

Barbados com criança

A Sabrina e o Ricardo  viajaram com o filho Bernardo, 1 ano e 10 meses, para a ilha de Barbados no Caribe, e toparam nos contar como foi a viagem na seção Viajando com os Leitores. Obrigada Sabrina, por compartilhar com a gente seu relato!

"Viajamos final de novembro e ficamos 8 noites em Barbados, uma vez que voamos com a Gol e essa companhia só opera voos de ida ao sábados e de retorno aos domingos.

Saímos de Porto Alegre as 10:20 da manhã e nosso voo em SP era 15:00 com chegada em Barbados 18:50 do horário local. 
Estava preocupado como o Bernardo se comportaria pelo fato do voo ser diurno, mas foi super tranquilo, dormiu metade do trajeto! O avião estava vazio e acabamos ficando com 3 poltronas para dormir (eu e o Be) e o papai Ricardo com outras três! Melhor impossível!!!
Um dos motivos que escolhemos está ilha, pouco conhecida ainda por muitas pessoas (indicada pela minha querida prima blogueira e sempre atualizada Francine... Rsrs)., é pela duração do voo, sendo um dos destinos mais próximos no Caribe, para nós brasileiros. O voo teve duração de 5 horas e 15 minutos e não atrasou. Foi super tranquilo e aeronave também. Tinha ouvido falar mal do voo e da aeronave... Mas não achei ruim como ouvi falar.
Tinham várias crianças no avião, e eles ficavam brincando bem comportados no corredor.
Estávamos olhando outros locais do Caribe... Mas sempre achávamos os voos e conexões demoradas.
Realmente foi uma ótima escolha para viajar com o pequeno. O voo de volta também foi diurno e o pequeno se comportou super bem.
Para irmos até o hotel optamos por táxi, não lembro o valor exato, mas não era caro.

Depois de pesquisarmos muito, escolhemos o hotel Hilton Barbados Resort (único resort da ilha). Olhamos vários hotéis menores e aconchegantes, inclusive com preços mais acessíveis, mas pela estrutura e localização acabamos optando pelo Hilton, já que iríamos com o Bernardo. O quarto só possuía frigobar e cafeteira. A cozinha nos últimos dias fez um pouco de falta, já que no hotel o cardápio não tinha muita variedade e os restaurantes eram distantes. Eu esquentava a água para a mamadeira na cafeteira do quarto e isso foi super tranquilo. Optamos pela diária com café da manhã ( que era muito bom) e foi muito prático.
O hotel tinha o bar da piscina e mais dois restaurantes, mas o cardápio não era lá de grandes opções! Tinha menu kids que inclusive era grátis e a sobremesa a mamãe adorava também... Rsrs... Picolé Magnun!
Be comendo o picolé de sobremesa
Praia super tranquila e piscina para crianças ótima. Mas o Bernardo adorava ficar na praia e também nas piscinas maiores que tinham cachoeiras e cestas de basquete! Aliás um dos pontos fortes do hotel!
A praia era uma delicia, mas bem calminho.
Compramos o hotel pelo Booking e as passagens pelo site da Gol mesmo. Nessa mesma época tinha uma promoção pelo site  www.visitebarbados.com que fazendo o cadastro no site receberíamos ao chegarmos no hotel 2 vouchers ( um por pessoa) de 200 dólares que podíamos utilizar em passeios, alguns restaurantes ou aluguel de carro, como forma de incentivo para conhecer a ilha.
Chegando lá não tivemos coragem de alugar carro, uma vez que as ruas são estreitas e sem calçada e a mão é inglesa. E como nossa intenção era descansar e aproveitar a estrutura do hotel, não nos fez falta.
Fomos um dia no mercado comprar fraldas e algumas coisas para abastecer o frigobar e aproveitamos para ir a um shopping local, o Limegrove , mas achamos tudo muito caro comparado aos Estados Unidos.
Havia várias opções de passeios. Nos interessamos pelo passeio de submarino, mas ficamos com medo pelo Be ser muito pequeno e doer os ouvidos. Preferimos não passear por Bridgetown ( apenas passamos pela cidade), pois não é nosso tipo de passeio favorito. Achamos tudo muito velho e movimentado.
Único passeio que fizemos foi ir na Harrison's Cave, que utilizamos o voucher que ganhamos para pagar.
O passeio pela caverna é feito em um trenzinho com guia em inglês. Be adorou o passeio, mas nós com nosso ótimo inglês não entendemos quase nada…kkk Aliás a comunicação foi bem complicada comparada aos Estados Unidos.
Saímos muito pouco do hotel. Curtimos muito a praia que era maravilhosa. Na praia do hotel tem opção de passeios como jetski, que era opcional.
Nós adoramos conhecer Barbados. Foi muito bom para descansar e aproveitar a praia com o mar maravilhoso da ilha."
Obrigada Bina, pelo relato. Tenho certeza que ajudará muitas famílias!!
Procurando hotel em Barbados?
Use o banner localizado na lateral direita dessa página, ou esse link aqui. Reservando seu hotel através da nossa página você não paga nada a mais por isso, tem a garantia de menor preço do Booking.com e ainda fornece uma pequena comissão para o blog.

E você já conhece Barbados? Deixe suas dicas nos comentários!
* No blog Felipe, o Pequeno Viajante você encontrará várias outras dicas e relatos sobre a ilha de Barbados. Clique aqui para ler os posts.

2 comentários:

  1. Queria saber como vcs fizeram com as refeicoes ficando no hilton, comiam la mmo ou saiam?? Era muito caro??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sabrina,
      Como estavam viajando com criança e não alugaram carro, costumavam comer lá sim.
      Nós estamos embarcando para Barbados em agosto. Acompanha por aqui que vem muita dica nova.

      Beijos

      Excluir

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Pesquise aqui qualquer conteúdo do Viagem que Sonhamos, tecle enter