01 junho 2015

Roteiro de um final de semana em Porto Alegre

Hoje o post é especial, com a participação da querida Claudia Bins do blog Mezzo Mundo. A Clau é porto alegrense, e está nos presenteando com um post caprichado de roteiro para aqueles que querem conhecer um pouco mais da capital dos gaúchos.  Se você está com viagem marcada para Porto Alegre, não deixe de olhar os posts do PORTO ALEGRE TEM. Só dica bacana, de lugares deliciosos. Antes de vocês lerem o post, já vou avisando que ela esqueceu de mencionar a Arena do Grêmio. Não percam que a "nossa" Arena é linda, bem na entrada da cidade. Quem ler o texto vai entender!  Obrigada Clau, pela participação aqui no Viagens que Sonhamos.
Por do sol no Guaíba
"A história de Porto Alegre começa no século XVII com os primeiros colonizadores portugueses. De lá para cá, muita coisa aconteceu. A cidade cresceu e se espalhou com rapidez meteórica, mas algumas coisas permanecem: o pôr-do-sol no Guaíba, a rivalidade entre gremistas e colorados, o velho bairrismo, as expressões típicas... Moro aqui desde que nasci (com pequenos intervalos em outras cidades) e uma das coisas que mais gosto é turistar pela cidade em companhia da família. Faço questão de conhecer bem onde moramos e mostrar o "Portinho" para as gurias me dá um prazer imenso!

Como qualquer capital, é preciso algum cuidado ao andar à noite, assim como nos bairros mais afastados. Fora isso, Porto Alegre ainda é um lugar com ares provincianos mas com muita vontade de ser cosmopolita. Aqui você vê gente linda, ali na rua mesmo, que alegra os olhos da gente e nos deixa com a alma leve. Vê um pôr-do-sol deslumbrante, anda por ruas tão arborizadas e floridas que nem parece que estamos em uma capital.

Os gaúchos são desconfiados mas hospitaleiros, te recebem com o calor de um mate e três beijos, alternados em cada lado do rosto (pra casar!). No início parecem distantes, mas é só passar o primeiro impacto e já te chamam para um churrasco regado à cerveja Polar, com cuca de sobremesa... ou então sagu, pudim de leite, doce de abóbora em calda...parte da herança dos antepassados. Ai que já me deu fome aqui!
Se você passar um final de semana, recomendo um passeio pelo Parque da Redenção, onde tem o brique no domingo de manhã e o parquinho de diversões, para a criançada. É programa clássico dos Porto-Alegrenses, que passeiam por lá com o chimarrão em punho. Vale um passeio despreocupado pelo parque todo, visitando o Monumento ao Expedicionário, o Recanto Japonês, a fonte, andar de pedalinho, dar comida para as carpas e andar de bicicleta enquanto aprecia a flora e fauna ao redor. A gente vê de tudo por lá! Aos sábados, na mesma rua, acontece a feirinha de produtos orgânicos, que tem não só frutas e vegetais, mas flores e apetrechos variados. Adoro!
Colégio Militar
O belo prédio do Colégio Militar e a tradicional Igreja Santa Teresinha se destacam na paisagem e durante boa parte do ano os ipês floridos e guapuruvus fazem a alegria dos fotógrafos. Ali pertinho, basta atravessar a Avenida Osvaldo Aranha, fica um de meus restaurantes favoritos na cidade, quando quero dar um tempo na carne vermelha. É o Suprem, uma pérola, que serve comida indiana, temperada, cheirosa e deliciosa.
Restaurante Suprem
Tem o passeio de ônibus turístico que é muito legal e, em dias bonitos, é imperdível. O ônibus tem 2 andares e o andar superior é aberto. Visite a região do bairro Moinhos de Vento, passeie pela "Calçada da Fama" (Rua Fernando Gomes), pela Padre Chagas e pela super charmosa Dinarte Ribeiro. Ali pertinho tem a Hidráulica Moinhos de Vento e o "Parcão", como chamamos carinhosamente o Parque Moinhos de Vento. A região é tomada por restaurantes e cafés, lojas e recantos charmosos que agradam qualquer visitante. Se gosta de comida tailandesa eu super recomendo o Lanna Thai na rua Barão de Santo Ângelo. Não é tão famoso quanto o Koh Pee Pee, mas... não contem pra ninguém, mas é mais barato e mais gostoso na minha modesta opinião!
Parque Moinhos de Vento
Na mesma região eu recomendo o Press Café, a Barbarella Bakery ou o Café do Porto para um café, um lanche, um bate-papo. Na rua Dinarte Ribeiro tem a Tea Shop, uma lojinha de chás que é um encanto. Ali pertinho fica o Moinhos Shopping que tem, na minha opinião, uma das melhores salas de cinema da cidade. Há poucas quadras, de carro, tem o Diego Andino Pâtisserie.
Tea Shop
Indo em direção ao centro, fica uma rua bem famosa aqui na cidade: a Rua Gonçalo de Carvalho, considerada patrimônio ambiental. Vale um passeio despreocupado partindo do Hospital Moinhos de Vento, na rua Ramiro Barcelos, entre na rua em frente e caminhando por 3 quarteirões, dobre à esquerda, em direção a Av. Independência. 
Rua Gonçalo de Carvalho
Atravesse a Avenida Independência e siga em frente, descendo a rua Santo Antônio até a avenida Osvaldo Aranha. Pronto, você chegou no coração do bairro Bom Fim. Seguindo a rua Ramiro Barcelos em frente, você chega no Shopping Total.
O Bom Fim merece um post só pra ele, mas vale uma caminhada explorando os cafés e restaurantes, como o Tablado Andaluz e suas deliciosas paellas e sangrias, com direito à show de dança flamenca, de quintas à sábados. Lá te recebem de um jeito que faz você sentir que está visitando parentes. Seguindo na direção leste você vai chegar no bairro Cidade Baixa
É um bairro tipicamente boêmio com um sem número de bares, botecos, restaurantes de todos os tipos. 
Lá fica o Guion Center, um pequeno centro com restaurantes, lojinhas fofas e um cinema com filmes independentes e alternativos em sua maioria. Uma boa dica é o Fondue Olaria que serve Fondue na Pedra em um lugar be charmosinho.


Em um sábado, eu recomendo visitar o Centro Histórico da cidade, onde tem o Santander Cultural,a Praça da Alfândega, com várias exposições de arte e um restaurante delicioso, o Moeda, que curiosamente fica onde era o cofre do banco. Visite o MARGS, aprecie o lindo prédio do Memorial Gaúcho, antiga agência central dos correios, a Casa de Cultura Mário Quintana, onde tem um café/restaurante no último andar perfeito para happy hour, com um show de pôr-do-sol. Passeie pela Rua da Praia observando o pavimento mosaicado inspirado nas praias do Rio de Janeiro.
Restaurante Du'Attos
Tem também o Teatro São Pedro e a Catedral Metropolitana, na Praça da Matriz e um restaurante entrando pelo lado esquerdo do Teatro que é maravilhoso, o Du'Attos. O Palácio do Governo merece também uma visita. Descendo em direção à Rua da Praia e virando à direita, logo a gente chega no Mercado Público que sofreu um incêndio em 2013 e está sendo reformado. Eu sou suspeita porque adoro mercados públicos. As cores, cheiros, pessoas que tem a cara da cidade, estão sempre presentes ali. No de Porto Alegre, a Banca 40 é famosa e parada obrigatória para um café e um sorvete. O restaurante Gambrinus é super tradicional. Ao lado do Mercado, o Chalé da Praça XV, que é uma graça, ótimo para um sorvete com salada de frutas, entre outras gostosuras…
Catedral Metropolitana
Seguindo em direção à Zona Sul da cidade, fica a Usina do Gasômetro, um centro cultural que sempre tem exibições ótimas. Ao lado do prédio fica a famosa estátua de Elis Regina, ponto obrigatório para fotos incríveis ao pôr-do-sol. Atrás da Usina fica o pier de onde sai um dos barcos que fazem passeios pelo Rio Guaíba, o Porto Alegre 10, outra opção bacana para dias de sol. Você vai conhecer o Delta do Jacuí, suas ilhas e de quebra vê de camarote o mais lindo skyline da cidade. O barco Cisne Branco sai do cais do porto e também faz passeios pelo Guaíba.


No caminho para a Fundação Iberê Camargo, que é linda e tem um café que é uma delícia também, você passa pelo Praia de Belas Shopping e pelo estádio Beira Rio, que foi todo reformado para a Copa do Mundo de 2014. Em frente ao estádio, fica a minha churrascaria favorita em Porto Alegre, a Churrascaria NB (Na Brasa). Logo após a Fundação Iberê Camargo fica o Barra Shopping, bem pertinho, com restaurantes ótimos com vista para o Guaíba. Se quiser algo mais casual e intimista, siga em frente até a Avenida Wenceslau Escobar e visite o mini shopping Paseo, com suas lojinhas charmosas, cafés e restaurantes. Ali quase ao lado fica um restaurante de comida árabe, o Al Nur, que é sem explicação de tão bom!
Fundação Iberê Camargo
Quer um segredinho de morador? Siga em frente até a rua Mario Totta e procure pela Floricultura Winge. Só cuidado para não perder a hora no Café & Prosa enquanto curte o ambiente delicadamente decorado e o jardim florido na volta. Aventure-se por ali, tem laguinho com peixinhos coloridos, cágados e os sabiás mais faceiros da cidade em meio aos canteiros coloridos.
Café & Prosa
Um passeio pela Orla do Guaíba é o que há, tem a praia de Ipanema, com cafés e restaurantes, mas aviso que em finais de semana é uma muvuca daquelas. Tem um restaurante na zona sul que se chama La Piedra, na beira do rio mas bem longe da muvuca, que é um sonho. Um brunch de domingo é perfeito ali. Não é barato mas é lindo, todo em estilo rústico. Se for calor é bem capaz de você testemunhar a galera fazendo SUP ali em frente. Nem preciso dizer que é meu lugar favorito para um happy hour com direito a pôr-do-sol de cinema.


Na Zona Norte, tem o Parque Germânia que é uma delícia, tem o Shopping Iguatemi e o Bourbon Country com restaurantes, lojas e cafés além de várias atrações para crianças. A decoração de natal sempre é linda por lá. Não muito longe tem o Jardim Botânico com o museu da fundação zoobotânica e o Museu da PUC, de Ciência e Tecnologia, que minhas filhas amam. Na PUC, tem um restaurante, chamado Panorama, no prédio 40, que abre de segunda a sábado ao meio-dia e é ótimo.
Jardim Botânico
Outro "point" da cidade é a Praça da Encol, ótima para fazer exercícios, passear e ver gente bonita. Ali pertinho vários restaurantes maravilhosos e, entre eles, o Pepe Laytano, pequeninho, intimista e delicioso. Acho um dos mais românticos da cidade e o dono, Pepe, um querido. Para o lado da Avenida Protásio Alves, o restaurante Barranco é outro paraíso dos carnívoros.
Se quiser uma aventura daquelas, em um lugar totalmente diferente mas super lindo, visite o restaurante O Butiá em Itapuã. É longe da cidade e caro, mas vale cada centavo... é uma experiência gastronômica em uma fazenda na beira do Guaíba, na parte que é limpa e dá para entrar na água. Você pode fazer SUP, caiaque, tem recreação para as crianças, trilhas. É passeio para um dia inteiro. Nós fomos de manhã e saímos depois do pôr-do-sol... Almoçamos lá mas levamos cuca e bolo e fizemos picnic à tarde. Reserve antes de ir!

Restaurante O Butiá
Porto Alegre tem muitas outras atrações, mas essas aqui já te darão um belo panorama da cidade e de seus encantos. Espero que gostem e voltem muitas vezes para nossa terra, se tiverem dúvidas ou precisarem de mais sugestões é só entrar em contato.
Obrigada a Francine pelo convite, adorei colaborar aqui no Viagens que Sonhamos!"
Outros posts:
Holiday In Porto Alegre - Review de hotel
Procurando hotel em Porto Alegre?
Use o banner localizado na lateral direita dessa página, ou esse link aqui. Reservando seu hotel através da nossa página você não paga nada a mais por isso, tem a garantia de menor preço do Booking.com e ainda fornece uma pequena comissão para o blog. Lembrando que a maioria da reservas são com cancelamento gratuito. Você pode reservar para garantir o preço, e continuar acompanhando as reservas. Se achar uma oferta melhor de outro hotel, é só cancelar a reserva, sem custo, online.
Procurando carro para alugar em Porto Alegre?
Use o banner localizado na lateral direita dessa página, ou esse link aqui. Reservando seu carro através da nossa página e Rentcars, você não paga nada a mais por isso, e ainda fornece uma pequena comissão para o blog. Nós já experimentamos o serviço e aprovamos.

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Pesquise aqui qualquer conteúdo do Viagem que Sonhamos, tecle enter