1 2 3 4 5 6

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

O que fazer durante uma conexão no Panamá

O Panamá tem sido destino frequente de brasileiros, principalmente em função da grande ofertas de voos da companhia aérea panamenha Copa Airlines. A Copa oferece saída de várias capitais brasileiras, com destino a vários locais da América central, do norte e caribe, mas se o seu destino final não for o Panamá, você terá, obrigatoriamente, uma conexão no país.
Muitas vezes as conexões são longas e ficar muito tempo dentro do aeroporto sempre é cansativo e desgastante. Até porque o aeroporto do Panamá não é lá uma grande maravilha. Tem muita gente que gosta, mas eu achei sujo, bagunçado, com algumas lojas com produtos caros e poucas opções de alimentação. Se o seu destino final for os Estados Unidos, nem perca tempo nas lojas. Mesmo sendo zona livre de taxas, os produtos custam bem mais do que no país americano.
Mas fazer uma conexão por lá, pode ter uma vantagem: é uma ótima opção de conhecer um pouco mais do país. E foi isso que fizemos durante uma conexão de 19 horas, tempo que tínhamos de espera até o o horário do nosso voo para Porto Alegre.


Chegamos no Panamá às 20 horas vindos de Porto Rico. Após sair a aeronave seguimos a direção do desembarque, para fazer a imigração no país. Se você ficar apenas dentro do aeroporto, não é preciso fazer imigração. Após a imigração é necessário passar a bagagem em um raio X, se você não estiver vindo dos Estados Unidos ou Canadá. Mesmo nós estando vindo de Porto Rico, que é território americano, foi necessário passar as mochilas no raio x. Lembrando que as bagagens são despachadas até o destino final, então não foi preciso retirar as bagagens. Saímos do aeroporto apenas com as mochilas e nossa mala de mão.
Como o tempo no país seria curto, optamos em contratar um empresa que oferecesse os translados e passeios. Eu havia conhecido a Hover Tours em um evento da área de turismo em Gramado e eles nos ofereceram um pacote privativo para conhecer o melhor da Cidade do Panamá, durante o nosso tempo de conexão na cidade.
Nos horário marcado uma pessoa da equipe estava no desembarque nos aguardando, com uma placa com o nosso nome. Ele nos auxiliou com a mala de mão e seguimos para o lado de fora, onde uma van estava nos aguardando para levar até o hotel. Durante o trajeto o guia foi contando curiosidades e fatos sobre o país, e também nos entregou  um envelope  onde havia todos os detalhes da nossa reserva, com o horário de saída e lugares a serem visitados na manhã seguinte.e quando vimos já estávamos no hotel, o Hotel Clarion  Victoria.
Após uma noite muito bem dormida, pontualmente às 8h 15min, o motorista que seria nosso guia durante a manhã, nos aguardava no lobby do hotel. O primeiro passeio foi para a Eclusa Miraflores, para conhecer o famoso Canal do Panamá.
Canal do Panama

Chegamos na Eclusa Miraflores, antes do horário de abertura, o que foi ótimo, pois assim que abriu, conseguimos entrar e apreciar a movimentação dos barcos, com tranquilidade e algum tempo depois o deck externo ficou lotado.
Canal do Panama

A eclusa tem dois mirantes onde é possível ver os navios passarem nas duas eclusas antigas, e também ver ao fundo a nova eclusa que foi inaugurada em 2016. Para quem deseja ficar mais tempo olhando os gigantes passagem, tem um restaurante com uma linda vista.



Canal do Panama

Depois de olhar a movimentação dos navios, assistimos um vídeo de 10 minutos contando a história do Canal do Panamá e também visitamos o museu. O ingresso dá direito a todos esses atrativos.



Sobre o Canal do Panamá: O sonho da construção de um canal, ligando o Oceano Atlântico ao Oceano Pacífico, começou a surgir no anos de 1600. Tempo depois,  em 1800 os franceses começaram a construção do canal, mas o dinheiro acabou logo no início. Com a independência do Panamá, os americanos fizeram um acordo com o governo panamenho, e assim construíram todo o canal e ficaram com ele por 100 anos. O governo do Panamá voltou  ater posse do Canal do Panamá em 2000, e é a principal fonte de renda do país. Para tem uma ideia,  para cada navio o custo de travessia é de 400 mil a 1 milhão de dólares. E passam em média, 40 a 70 navios por dia.
O passeio pela Eclusa Miraflores demorou em torno de duas horas, e após seguimos o nosso passeio privativo em direção ao Casco Viejo, o centro histórico preservado da Cidade do Panamá. Patrimônio Histórico da Unesco, Casco Viejo é um local para se perder pelas suas ruelas e casarios coloridos. Por aqui você vai encontrar várias lojas onde o famoso chapéu Panamá é vendido, lojas de souvenirs, hoteis e muitos restaurantes charmosos. Na próxima vez que visitar a cidade, vou querer ficar mais tempo em Casco Viejo.
casco Viejo

Casco Viejo

A área encontra-se em franca restauração. Muitos monumentos, prédios públicos e também privados sendo restaurados, com sua arquitetura preservada.


Passeamos por algumas ruela, visitamos a Catedral Metropolitana, Iglesia de Santo Domingo, Arco Chato, Iglesia San Jose e Plaza de La Independência.
Casco Viejo

Casco Viejo


Antes de partir em direção ao aeroporto apreciamos a vista da área moderna da cidade, a partir da Cinta Costeira. Apreciando a beleza da sua arquitetura, em alguns momentos é possível pensar que estamos na área central de Miami, com seus arranha céus envidraçados. Infelizmente não tivemos tempo para caminhar pelo estreito parque a beira mar, que fica margeando a Avenida Balboa, mas achei lindo.

Cinta Costeira

Onde se hospedar |
A escolha do nosso hotel ficou a cargo da Hover Tour que nos ofereceu o Hotel Clarion Victoria e nós simplesmente amamos a escolha. Infelizmente não tivemos tempo suficiente para aproveitar toda estrutura do hotel, mas nosso quarto era tão grande e confortável, que não tínhamos vontade de sair dele. O check in foi bastante rápido  e a área da recepção é muito bonita com um colorido intenso.

Nosso quarto era enorme, comporto de dois ambientes e um banheiro gigante. Logo na entrada ficava a sala com TV e com uma bancada com frigobar e cafeteira e no quarto, uma bancada de trabalho, TV, armário com cofre e uma cama imensa, fofinha e com roupa de cama maravilhosa. Sem dúvida, foi a melhor cama de toda a viagem. A nossa disposição haviam duas garrafinhas de água mineral como cortesia.





O café da manhã é  servido diariamente no restaurante. haviam várias opções de frutas, pães, sucos, cereais e algumas coisas diferentes, como um doce, que parecia um pudim. Aprovado!

Hover Tours |
A Hover Tours é uma agência de receptivo panamenha, com mais de 20 anos de experiência no ramo. Além de oferecer translados, hospedagem e todo tipo de apoio ao turista, a Hover Tours oferece também passeios diferenciados para quem deseja conhecer mais do Panamá e também dos países vizinhos.
Os passeios mais populares, como Eclusa Miraflores, Casco Antigo, Tour de Compras, acontecem também de forma regular, em horários pré determinados e em um grupo maior. Ou se você desejar, ou tiver pouco tempo como foi o nosso caso, a empresa programa um tour privativo de acordo com a preferência do cliente.
O contato foi feito todo por email, e logo na primeiro mensagem fui questionada sobre os horários de nossos voos e nossas preferências de passeio. Quando estava tudo definido, recebi os vouchers por email.
A van que nos atendeu era muito confortável e toda a equipe que nos atendeu foi muito receptiva e simpática. Aliás, fizeram tanta propaganda de San Blás, que eu já estou morrendo de vontade de voltar ao Panamá para conhecer esse paraíso.


E se a minha conexão no Panamá for de 5 horas?
Até cinco horas de conexão eu recomendo ficar no aeroporto, pois pode acontecer de você demorar para sair da aeronave, ter fila na imigração, ter trânsito, etc. Mas se o seu tempo de espera, for maior  do que isso, não pense duas vezes e saia do aeroporto. Um passeio básico até o Canal do Panamá, você levará em torno de 2 horas de passeio e mais uns 15-20 minutos de carro até lá e mais o mesmo tempo de volta até o aeroporto. Tendo 3 horas livres, você vai e volta até o Canal do Panamá com tranquilidade.
Lembre-se que a nossa conexão incluiu uma noite no Panamá, mas desde que saímos do hotel, na manhã seguinte, aproveitamos aproximadamente 5 horas de passeio na cidade. Nós adoramos o passeio e recomendamos! Panamá, voltaremos!
Dicas importantes |
* Faz muito calor no Panamá. Esteja preparado com roupas frescas na bagagem de mão, chapéu ou boné e muita água.
* Desde o início de fevereiro de 2017, o Panamá está exigindo o Certificado Internacional de Vacinação da Febre Amarela de visitantes brasileiros. É preciso ter feito a vacina com no mínimo 10 de antecedência da data da viagem, e a carteirinha fornecida pela maioria dos postos de saúde brasileiros não é aceita. Você precisará emitir o Certificado Internacional junto a Anvisa, que pode ser feita nos aeroportos. 
* Visitantes apenas em conexão ( que não desejam sair do aeroporto) não precisam do certificado de vacinação.
* O dólar americano é aceito em todos os locais e tem o mesmo valor que o Balboa, moeda panamenha.
* Não é necessário visto para ingressar no país.
Para ver mais dicas e fotos da Florida, siga nosso perfil no Instagram - @Fran_agnoletto e a #ViagensqueSonhamosnoPanama
* Este não é um post patrocinado. A Hover Tours  apoiou nosso roteiro organizando nossa programação no Panamá, mas o relato acima representa a nossa opinião sincera sobre o serviço e destino.
Quer reservar hotel ?
Use o banner localizado na lateral direita dessa página, ou esse link aqui. Reservando seu hotel através da nossa página você não paga nada a mais por isso, tem a garantia de menor preço do Booking.com e ainda fornece uma pequena comissão para o blog.
Procurando carro para alugar ?
Use o banner localizado na lateral direita dessa página, ou esse link aqui. Reservando seu carro através da nossa página e Rentcars, você não paga nada a mais por isso, e ainda fornece uma pequena comissão para o blog. Nós já experimentamos o serviço e aprovamos.

18 comentários:

  1. Parabéns e obrigado por compartilhar sua experiencia, postando fotos e dicas tão preciosas!!!

    ResponderExcluir
  2. Oi Francine... Quando voamos para Cuba, tínhamos conexão na ida e na volta no Panamá. Como sabíamos que jamais organizaríamos uma viagem a este país, quebramos o voo e ficamos duas noites na Cidade do Panamá, antes de voltarmos ao Brasil.

    Ficamos horas e horas vendo os navios passando pelo canal. Achei incrível. Além disso fomos até lá de busão e foi um experiência, digamos assim, interessante!! :)

    O Casco Antiguo, por suas fotos, me pareceu bem diferente, mais restaurado. Quando eu fui, estava com um aspecto meio abandonado. Tudo bem que estava chovendo, só tínhamos nós e um casal europeu que tinha acabado de ser assaltado.

    Bacana voltar ao Panamá por aqui. O texto está ótimo, repleto de dicas. bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom saber que vocês também gostaram.
      Na próxima vez quero ficar mais tempo.
      Abraços,

      Excluir
  3. Gostei da história do Canal do Panamá.
    E como este Canal encurta uma viagem ... antes, os navios teriam que descer até o Sul da Argentina e subir pela Costa do Chile ... pagar os quase 1 milhão não deve ser quase nada, rsrs...

    Ótimas dicas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu fico imaginando quando custaria a volta...já pensou???
      1 milhão não deve ser nada kkkk

      Excluir
  4. Oba! Que informação legal. O post está muito rico, cheio de dicas e fotos lindas. Parabéns pelo trabalho

    ResponderExcluir
  5. Passar pelo Panamá e não dar uma passadinha pra ver o Canal deveria ser crime inafiançável, rs. E imaginava que lá fosse quente, mas não imaginava que fosse tanto assim pra nós, brazucas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É bem abafado, mas eu adoro o calor, então nem reclamo!!!!!

      Excluir
  6. Adorei o post! Há algum tempo tenho procurado dicas sobre o Panamá, pois há muitas conexões por lá e talvez consiga um stopover ou algo parecido. Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se tiver oportunidade de um stop over não deixem de conhecer um pouquinho do país!!

      Excluir
  7. Parabéns pelo post! Muitas vezes temos essas conexões e não sabemos bem o que fazer com esse tempo. Boas dicas!

    ResponderExcluir
  8. Eu quero fazer um stopover no Panamá, fucar alguns dias e conhecer as praias também. Adorei as suas dicas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Naná...
      Estou louca para conhecer as praias do Panamá. San Blás, parece um sonho!!!

      Excluir
  9. eu adoro o Casco Viejo, acho maravilhoso, mesmo com umas partezinhas não tão bem cuidadas aheuaheua só tem q prestar muita atenção a noite, tem bastante furto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Angela,
      Sério que não é seguro a noite?
      Durante o dia achei muito seguro!!!
      Beijos

      Excluir

Booking.com
Viagens que Sonhamos © 2016 - Todos os direitos reservados.