18 maio 2013

Austrália...a programação


Bom, a ideia inicial era estudarmos inglês na Austrália. Como seria 1 mês de curso, levaríamos o Álvaro, 3 anos, junto. Um estudaria de manhã, o outro a tarde, e nos finais de semana passearíamos.
O plano inicial foi abortado, quando começaram a surgir muitos lugares que “precisaríamos” visitar. Então decidimos adiar o plano estudos e ficar somente com o plano férias. Alias isso já aconteceu com nossa viagem ao Havaí. Não sei porque o estudo sempre fica pra depois....
Pois bem, com marido surfista, ficou a cargo dele, escolher nossas cidades base, e iniciar o planejamento. Um casal de amigos (marido surfista também) se juntou a nós.
A programação ficou assim definida: ida final de fevereiro, em função da época de ondas boas” na Gold Coast. Mais tarde, já na cidade, “as pobres mulheres desinformadas ficariam sabendo que nessa data, estaria acontecendo o WCT – campeonato mundial de surf “– por lá.
Papai e Álvaro "se achando"no Quiksilver Pro 2013
As mulheres e o pequeno, queriam água parada, então já que atravessaríamos o mundo, queríamos um pouco de conforto e relax, na Grande Barreira de Corais.
1 noite em Cairns , em função dos horários de transfer para a ilha
2 noites em Fitzroy Island, na Grande Barreira de Corais
6 noites na Gold Coast – Coolangatta
Coolangatta
2 noites em Sunshine Coast – Noosa
Noosa
4 noites em Mainly, Sydney
Mainly
A partir disso seguimos com ajuda de um agente de viagens, especializado em Austrália, pois em função do final do ano, não tínhamos tempo disponível para programar e fazer as reservas.
O melhor voo para nossas datas foi via Johanesburgo com South African Airways e depois Sydney via Qantas. Seria um pouco mais longo, que via Chile..mas achei interessante a pausa de 2h em Johanesburgo, pro pequeno dar uma caminhada, comer alguma coisa. E realmente foi bem válido. Recomendo.
Os voos internos foram comprados através de companhias low coast: Jet Star e Virgin Austrália, que seriam os seguintes:
Sydney – Cairns - Gold Coast e Sunshine Coast – Sydney.
Sunshine Coast Airport
O trecho Gold Coast – Sunshine Coast seria feito de carro alugado. Alugamos o carro saindo do aeroporto de Gold Goast, entregando no aeroporto de Sunshine Coast, no total de 7 dias. Aqui vale um parênteses, sobre a experiência de dirigir na mão inglesa, com carro de câmbio manual. No inicio foi apavorante, mas logo pegamos o jeito.
Hotéis foram escolhidos, com base nas sugestões da agência e pesquisa no Trip Advisor. Gosto muito de ver as fotos dos usuários. Isso tudo foi fechado em dezembro, e a viagem marcada para 23/02.
Com tudo preparado para viajarmos no dia 23/02, fomos preparar a parte burocrática: o visto australiano.
Nos foi informado, através da agência, que todo o processo tinha sido facilitado. Agora era tudo online, rápido (no máximo 7 dias) e prático, porém caro AUD 250 por pessoa, e válido somente por uma vez. Encaminhamos a papelada no dia 07/02. Dois dias depois, o meu visto e o do Álvaro foram liberados, porém o do meu marido não foi liberado até o dia 23/02.
Em função do ocorrido...tivemos que mudar toda nossa programação...primeiro cancelar a ida, depois cancelar os primeiros hotéis. Com o casal de amigos, deu tudo certo, e em função de terem férias marcadas, tiveram que ir.
Bom o visto dele saiu no dia 25/02. Conseguimos remarcar a passagem para o dia 26/02. Nossa volta, seria no dia 13/03....com essa confusão toda, conseguimos volta disponível somente no dia 24/03.
Os voos internos foram todos perdidos, pois não previam cancelamento...afff! Mais uma vez, provado que o barato pode sair caro!
Enfim acabamos embarcando no dia 26/02, e encontrando nossos amigos direto na Gold Coast, no dia previsto para o check in lá.
Só elogios pra South African e pra Qantas. Ambas excelentes companhias aéreas. Atendimento top! A South African serve as refeições com talheres de metal. O único porém é não ter entretenimento individual. A Qantas....nunca vi tanta comida num voo. Na volta de hora em hora, tinha um lanchinho: pizza, picolé, frutas, barra de cereal, queijo com biscoito, bebidas....fora as 2 refeições completas. Atendimento especial pras crianças, desde o embarque prioritário, brinde com mochila, recheada de produtos da Crayola. Meu pequeno amou!
Presentinho que o pequeno ganhou da Qantas
Outros posts:
Playgrounds na Austrália
Austrália para surf
O que comer na Austrália
Internet na Austrália
Sydney com criança
Gold Coast, na Austrália com criança
Procurando hotel na Austrália?
Use o banner localizado na lateral direita dessa página, ou esse link aqui. Reservando seu hotel através da nossa página você não paga nada a mais por isso, tem a garantia de menor preço do Booking.com e ainda fornece uma pequena comissão para o blog. Lembrando que a maioria da reservas são com cancelamento gratuito. Você pode reservar para garantir o preço, e continuar acompanhando as reservas. Se achar uma oferta melhor de outro hotel, é só cancelar a reserva, sem custo, online.

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Pesquise aqui qualquer conteúdo do Viagem que Sonhamos, tecle enter