1 2 3 4 5 6

sábado, 31 de outubro de 2015

Beto Carrero World | Roteiro de dois dias com criança pelo parque

Conhecemos o parque Beto Carrero World em dois dias e nesse post eu conto para vocês como foi o nosso roteiro pelo parque, dia a dia.
Como eu já contei nos posts sobre os roteiros pelos parques de Orlando - clique aqui para ler todos os posts de Orlando - o propósito desse tipo de viagem é aproveitar o parque em família, brincar nos brinquedos que o pequeno pode se divertir.  Com 5 anos, ele já tem 1,20m de altura, mas mesmo tendo altura para todos os brinquedos no Beto Carrero, ele é muito medroso, e não gosta de aventuras radicais. Puxou pela mãe. Então, não fomos nesse tipo de atração.
Como já contei no outro post (clique aqui para ler), que não tivemos muitas sorte com o tempo, mesmo viajando em outubro, que teoricamente é uma época mais seca. Seguimos a orientação do parque e programamos dois dias de visita. No primeiro dia, chegamos já com chuva. Mas com um guarda chuva, uma capa de chuva e um pouco de organização no roteiro, conseguimos aproveitar bastante o primeiro dia e fomos embora só quando o parque fechou. 
Roteiro pelo parque em dois dias:
Dia 01: Como chovia quando chegamos ao parque, fomos direto à Praça de Alimentação, aproveitar o Carrossel Veneziano que estava vazio.

De lá, fomos na atração Betinho Carrero 4D, que tinha uma fila de uns 15 minutos. O pequeno fez o maior fiasco e não curtiu a atração. Sinceramente eu achei que era mais fraquinho e insisti que ele fosse. Conhecendo o guri, e a atração, eu já saberia que ele não iria gostar, mas se o seu filho é corajoso e gosta de aventuras, ele irá gostar do simulador. Passado o "susto", fomos encontrar o Shrek e sua turma para fotos.
De lá fomos conhecer o Zoo, que é uma das áreas mais bonitas do parque. Nos encantamos com os elefantes, apreciamos os felinos, nos divertimos com os macacos e morremos de medo das cobras. As girafas são um espetáculo a parte, e tinha uma girafinha muito fofa que só queria ficar perto da mamãe. Vimos zebras, avestruz, pavão e fomos até o Jardim Secreto, ver a Clara, a primeira leoa branca nascida no Brasil. Andamos no trenzinho da Vila Esperança e fomos apreciar as aves no Mundo Mágico das Aves, que é um viveiro gigante, que proporciona aos visitantes estar lado a lado com muitas espécies de aves.
Seguimos então para a área Aventura Radical. Como a Big Tower estava sem fila, marido correu para literalmente "cair do céu". Eu e Dodô só olhamos.
Com o marido "vivo"fomos conhecer a parte do Super Carros, que é quase igual ao Super Carros de Gramado (já contei sobre nossa visita nesse post aqui). Descobrimos por acaso o restaurante Velozes e Furiosos, que tem uma área VIP para assistir ao show, para quem almoça no local. Aproveitamos e almoçamos por lá. Adoramos as opções e principalmente assistir ao show Velozes e Furiosos de camarote. 
No final do show, saímos correndo em direção à área do Madagascar para assistir ao Madagascar Circus Show. O show é muito bonito e imperdível. Nós sentamos na segunda fileira e foi ótimo porque o pequeno ficou bem pertinho dos personagens.
Depois do show fomos para a área do DinoMagic fazer o passeio de trem e "fomos salvos"pelo próprio Beto Carrero. Essa é uma atração bem antiga que eu já conhecia, mas o pequeno adorou. Gostou tanto que repetimos no dia seguinte.
Voltamos para a área da Aventura Radical e o marido foi andar na FireWhip, que é a primeira montanha russa invertida do país. Como a chuva estava mais forte, fomos até o Palácio dos Sorvetes fazer um lanche e degustar as gostosuras ali preparadas. Foi difícil escolher uma só.
Depois fomos conhecer a Ilha dos Piratas. A Casa dos Espelhos foi a atração mais divertida e rendeu muitas muitas risadas.
Em busca de atrações fechadas por causa da chuva, fomos na Raskapuska, que é uma espécie de bote que anda sobre a água por cenários diferentes com uma música e no final tem uma pequena queda d'água. O pequeno amou. Repetimos a atração mais duas vezes no dia seguinte. Ao meu ver, os cenários mereciam uma renovação. Mas o que importa é a diversão.
Como ainda faltava trinta minutos para a abertura dos portões para o show "O Sonho de um Cowboy", fomos para o Kid Play da área Triplikland, que era coberta e proporcionou minutos de brincadeiras para o pequeno. Às 17h30min fomos ao Memorial do Beto Carrero, assistir ao musical "O Sonho de um Cowboy". Ficamos surpresos com a qualidade do show, e mesmo sendo um musical o pequeno curtiu muito e adorou ver o Beto Carrero e seu companheiro Faísca vencer o mal. Assim terminou o nosso primeiro dia de parque.
Dia 02: O tempo estava nublado, mas pelo menos não estava chovendo. Aproveitamos para ir nas atrações abertas, que não tínhamos conseguido ir no dia anterior por causa da chuva. Começamos na área Triplikland, passeando de Pedalinho, de Baby Elefante, de Carro Choque e de Carrossel.
Fomos passear na Vila Germânica e matar as saudades da Alemanha, com seus jardins impecáveis e construções típicas. Aproveitamos que estávamos em frente ao Excalibur para comprar os tickets para o show almoço.
Fomos na Montanha Russa Dum Dum, que é bem fraquinha, quase como um trenzinho e então fomos para a área do Madagascar encontrar os personagens. Eles parecem em dois grupos: primeiro Alex e os Pinguins e depois Gloria, Rei Julien e Mort.
Aproveitamos que o sol apareceu e fomos na atração Madagascar Crazy River Adventure, que é um passeio por uma corredeira de rio, por cenários bem bonitos do filme Madagascar. Prepara-se que você pode se molhar. Usamos as capas de chuva e não tivemos maiores problemas. Visitamos a loja temática e compramos uma camiseta. A loja é um amor, cheio de pelúcias dos personagens DreamWorks que tem pelo parque, mas infelizmente os preços são bem altos.
Fomos também encontrar o Po do Kung Fu Panda.
Já estava quase no horário do Excalibur e fomos para o local do show almoço. Contei como foi a nossa experiência no Excalibur no post "Excalibur, o almoço temático do Beto Carrero World"
O show terminou um pouco antes do início do show Blum, e como ele acontece somente em um horário por dia, corremos até o Teatro Acqua para assistir. O show é lindo: uma mistura de acrobacias, mágica e música . O show acontece como se fosse no fundo do mar e os artistas representam elementos marinhos. Super bacana. Saímos do show e fomos andar de Teleférico para ver o parque do alto. Como o desembarque do teleférico é na entrada do parque, seguimos agora pelo lado direito do parque, em direção a área Velho Oeste. O pequeno brincou no Fort Álamo,  na Aldeia Indígena e no Trenzinho. 
De volta a área Aventura Radical, brincamos nos games, que são uma área de jogos, como tiro ao alvo, pescaria, entre outros, e são pagos a parte. Marido foi na montanha russa Star Mountain, e nós fomos repetir o Dino Magic. Passeamos mais um pouco pelo parque e decidimos encarar juntos a montanha russa infantil que fica na Vila Germânica, a Tigor Mountain. Não tinha fila e fomos direto. Óbvio que o pequeno ficou com medo, mas passado o susto ele achou divertido. E assim já eram 17h  e chegava ao final mais um dia de aventuras no parque.
Para ler mais sobre o Beto Carrero e os passeios que fizemos na região, veja os posts:
*"Beto Carrero World | Onde se hospedar, como chegar e outras dicas práticas para conhecer o parque"
Beto Carrero World
Rua Inácio Francisco de Souza, 1597
Praia de Armação
Penha/SC
* Agradecemos ao Beto Carrero World, o convite para visitar o parque. Recebemos convites, mas todos as despesas dentro do parque, estacionamento e deslocamentos foram pagas por nós.
Procurando hotel em Penha?
Use o banner localizado na lateral direita dessa página, ou esse link aqui. Reservando seu hotel através da nossa página você não paga nada a mais por isso, tem a garantia de menor preço do Booking.com e ainda fornece uma pequena comissão para o blog. Lembrando que a maioria da reservas são com cancelamento gratuito. Você pode reservar para garantir o preço, e continuar acompanhando as reservas. Se achar uma oferta melhor de outro hotel, é só cancelar a reserva, sem custo, online.
Procurando carro para alugar em Santa Catarina?
Use o banner localizado na lateral direita dessa página, ou esse link aqui. Reservando seu carro através da nossa página e Rentcars, você não paga nada a mais por isso, e ainda fornece uma pequena comissão para o blog. Nós já experimentamos o serviço e aprovamos!

10 comentários:

  1. Francine amei seu post. Quero ir no Beto Carrero em 2016 e seus posts serão muito úteis. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bárbara,

      Tenho certeza que irão adorar o parque.
      beijos

      Excluir
  2. Respostas
    1. Obrigada Pa

      Espero que aproveitem o parque.
      beijos

      Excluir
  3. Adorei as dicas, vamos em setembro mas gostaria de tentar aproveitar tudo em um dia só pois so vou passar um fim de semana por la...
    Tomara que de certo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cynthya,

      Você talvez terá que priorizar alguns shows. Mas com certeza aproveitará muito.
      Escolha as atividades que vocês acham que irão gostar mais, e se sobrar tempo, o lucro serão atividades extras.
      Beijos!

      Excluir
  4. Olá. Estou pensando em ir de SP para Beto Carreiro sem agencia de Viagem. Será que é vantajoso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      Infelizmente não sei lhe informar os valores. Geralmente fazendo tudo por conta própria sai mais barato, mas da um pouco mais de trabalho.
      beijos

      Excluir
  5. Olá! Pretendemos levar o pequeno para o parque proximo ano e gostaria de saber a quantidade de dias ideal para fazer todo o parque sem muita correria. Você acha que dois dias é suficiente? É vantajoso se hospedar na praia já que é perto?
    obrigada pela atençao

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ariadny,
      Dois dias é excelente, ainda mais se vc conseguir fugir da alta temporada, como janeiro, carnaval e férias de julho.
      As praias próximas são bem bonitas e vale a pena sim, conjugar com alguns dias de descanso na praia.
      Divirtam se!!

      Excluir

Booking.com
Viagens que Sonhamos © 2016 - Todos os direitos reservados.