1 2 3 4 5 6

terça-feira, 26 de maio de 2015

Roteiro de 10 dias pelo Litoral Norte de Alagoas e outras dicas práticas para conhecer o estado



Impossível não amar
Sempre ouvia falar que Alagoas era considerado o caribe brasileiro e sempre duvidei disso. Achava que era jogo de marketing do estado. Até que com algumas milhas para vencer e umas fotos de São Miguel dos Milagres na cabeça, decidi que Alagoas seria o nosso próximo destino de férias. Mas Maceió, seria muito pouco, para tirar a prova de que o estado merecia mesmo o título de caribe brasileiro. Eu teria que ir até Maragogi, considerada o paraíso da piscinas naturais para ter certeza disso. E foi assim que esse roteiro surgiu, unindo a curiosidade pelas praias da região, a comodidade dos bons resorts, a tranquilidade e charme da Rota Ecológica com a possibilidade de conhecer e aproveitar tudo isso no nosso tempo e da nossa maneira. Foi por isso que decidimos alugar um carro e ter liberdade para mudar de planos e aproveitar o que mais nos interessasse.


Alagoas é o cenário perfeito para uma road trip inesquecível. Fizemos o trajeto entre a capital Maceió e o município de Maragogi, dois destinos imperdíveis para quem visita o estado alagoano. Conhecer belas praias, visitar vilas de pescadores, apreciar o artesanato e a gastronomia típicos da região são apenas alguns dos destaques da viagem. Tanto na capital alagoana quanto no Litoral Norte do estado,não faltam cenários encantadores que deixam os turistas de queixo caído em meio à tanta beleza.
Praia de Ponta do Mangue em Maragogi
Nosso primeiro destino foi a capital alagoana. Em Maceió, não faltam atrações para os visitantes. Suas praias urbanas como Pajuçara, com suas águas protegidas e suas jangadas, Ponta Verde e Jatiúca considerada uma das melhores praias urbanas, merecem a visita dos turistas. Praias mais afastadas como Ipioca, onde fica o Salinas de Maceió Beach Resort, com sua longa faixa de areia branca e fofa e um mar que varia entre tranquilo e agitado, também merecem uma visita.
Nós, aproveitando a piscina do salinas de Maceió

Praia de Ipioca
No caminho rumo ao próximo destino, Maragogi, algumas paradas estratégicas podem deixar a viagem ainda mais especial, como relaxar na praia do Sonho Verde  aproveitando as piscinas naturais antes de seguir viagem. 
Sonho Verde: praia maravilhosa para as crianças

AL 413, em direção à Maragogi
O caminho até Maragogi é bem tranquilo pela AL 413, que é a forma mais rápida de chegar até lá. São aproximadamente 120 Km, percorridos em torno de 1h e 30 minutos. A outra maneira, seria passando pelas cidades da Rota Ecológica. Mas como o caminho é mais sinuosos e lento, por passar entre vários povoados, deixamos essa opção para a volta, quando a Rota Ecológica seria nosso destino.
Os três dias seguintes foram para curtir Maragogi e o maravilhoso resort Salinas do Maragogi. Como o resort, funciona no sistema all inclusive, a vontade é de não sair do hotel. São muitas atividades, piscinas, comida  e bebidas deliciosas. Mas Maragogi tem muito mais a mostrar do que a praia do hotel.  
Um das delícias do jantar do Salinas do Maragogi
O destaque fica por conta das piscinas naturais que ficam dentro da rota turística da Costa dos Corais – região do litoral norte alagoano que consiste na maior área de proteção ambiental marítima do Brasil. Tem a de São Bento, a Taocas, a de Barra Grande, porém as mais famosas são as Galés, que é um dos passeios mais procurados pelos turistas, que podem mergulhar em águas cristalinas, na companhia de peixes de cores, formas e tamanhos diferentes, tirar fotos aquáticas e receber informações sobre conscientização ambiental. Nós fomos para Taocas de lancha, com passeio contratado no próprio hotel e foi demais. Gostei muito de ir de lancha, pois foram só nós três e mais um casal, o que tornou tudo mais rápido e prático, pois foi quase como um passeio privativo e o custo foi o mesmo do catamarã.
Outra passeio que adoramos, foi o passeio de bugue conhecendo as praias do litoral norte de Maragogi. Nesse passeio eu confirmei que o título de caribe brasileiro faz todo o sentido.

Quem visita Maragogi também não pode deixar de se deliciar com os famosos bolinhos de goma produzidos no município. Essa iguaria típica da região deixa os visitantes com água na boca, com seu sabor irresistível e inconfundível. Existem várias barracas um pouco antes de chegar ao salinas de Maragogi, vendendo essas delícias. Um pacote custa R$ 5,00, enquanto que na beira da praia o mesmo pacote era vendido por R$10,00.
Para seguir para a Rota Ecológica, a melhor opção é via Japaratinga, que fica no extremo norte da rota, e é outra maravilha do litoral norte. Para chegar em  Porto de Pedras, é preciso fazer a travessia do rio, de balsa. 
Japaratinga
Atravessando de balsa em direção `a Porto de Pedras
Em Porto de Pedras, o passeio imperdível é visitar os peixes-boi marinhos, mamífero aquático em extinção no Brasil. Em uma área protegida do Rio Tatuamunha, cercada por manguezais de beleza única, eles encontram um refúgio e reaprendem a viver em seu habitat natural. Realizado em uma jangada, o passeio de observação pelo rio possibilita aos visitantes apreciar toda a natureza do local e se encantar com esses animais, que podem atingir até 4 metros de comprimento e pesar 600 quilos quando adultos, mas ainda assim são dóceis e brincalhões. O passeio é realizado pela Associação Peixe-Boi de Condutores com a presença de guias locais. 
Aldo, pegando carona na nossa jangada.
O município seguinte chama-se São Miguel dos Milagres, um pequeno vilarejo de pescadores cortado por uma única rua, com mar verde claro, praias desertas de areias brancas, piscinas naturais que se formam na maré baixa e muitos coqueiros a beira mar. aqui é impossível escolher sua praia favorita: Praia do Patacho, Porta da Rua, Praia de São Miguel dos Milagres, Praia do Toque, Praia do Marceneiro. Todas maravilhosamente lindas e quase idênticas.
Vila de São Miguel dos Milagres

Praia do Marceneiro
Praia do Patacho
Porto da Rua
Piscinas naturais do Toque
Aqui o melhor programa é aproveitar o charme e aconchego da sua pousada. A maioria das opções de hospedagens são pousadas de charme, com atendimento perfeito. Se você quiser, não precisa sair da pousada. Nós como gostamos de conhecer as vizinhanças fizemos passeio de jangada, fomos conhecer o Projeto Peixe Boi e as praias vizinhas, para ter certeza e depois contar para vocês que realmente são todas lindas.
Nosso roteiro
Dia 01: Chegada a noite
Dia 02: Maceió
Dia 03: Ipioca
Dia 04: Ipioca
Dia 05: Ipioca
Dia 06: Sonho Verde - Maragogi
Dia 07: Maragogi
Dia 08: Maragogi
Dia 09: Rota Ecológica
Dia 10: Rota Ecológica
Dia 11: Volta para casa
Quando ir
Nós viajamos em maio e achamos excelente, mesmo sabendo das possibilidades de chuva. Como é baixa temporada, os preços estavam mais baixos e havia pouco movimento. Nada de praias lotadas. No dia que passamos em Maceió, choveu um pouco, mas a chuva não durou nem 5 minutos, então não atrapalhou a visita pela cidade. O Viaje na Viaje tem o praiômetro, que mostra o índice de chuva em várias praias. Consulte para ajudar a decidir se a época que você planeja conhecer o estado é uma boa opção. Pelo praiômetro chove bastante nessa época, mas nós tivemos sorte pois pegamos só dias lindos.
Como chegar
O trajeto inicial até o hotel de Maceió e depois até o Salinas de Maceió Beach Resort foi feito de transfer privado.
Para os demais deslocamentos alugamos carro com a Forte Aluguel de Carros, no próprio Salinas de Maceió, que nos ofereceu a possibilidade de retirar o carro no hotel e devolver no aeroporto. Agora nós também somos parceiros da Rentcars. Para fazer sua reserva através do nosso programa de afiliados, clique aqui.
Onde ficar
Os hotéis que nos hospedamos em Maceió foram os seguintes:
Maceió Atlantic Suites na Praia de Jatiúca. Para ler como foi a nossa hospedagem, clique aqui.

Salinas de Maceió Beach Resort na Praia de Ipioca. Para ler como foi nossa hospedagem, clique aqui.
Em Maragogi optamos pelo Salinas do Maragogi All Inclusive Resort. Para ler como foi nossa hospedagem, clique aqui.
Na Rota Ecológica, escolhemos a Pousada Marceneiro, na praia do Marceneiro, como nossa casinha por lá. E foi assim que nos sentimos, em casa mesmo. Para ler o nosso relato sobre a hospedagem, clique aqui.
Outros blogs:
A Karla do blog Cariocando por ai, tem vários posts super bacanas sobre Alagoas. Clique aqui para para ler.
A Andrea, do blog Do RS para o mundo, também escreveu sobre Alagoas. Clique aqui para ler.
O Antônio do blog Retrip, também escreveu sobre Alagoas e suas praias. Clique aqui para ler.
O mestre Ricardo Freire, do blog Viaje na Viagem, tem um material super completo sobre o litoral norte de Alagoas. Clique aqui para ler.
Procurando hotel em Alagoas?
Use o banner localizado na lateral direita dessa página, ou esse link aqui. Reservando seu hotel através da nossa página você não paga nada a mais por isso, tem a garantia de menor preço do Booking.com e ainda fornece uma pequena comissão para o blog. Lembrando que a maioria da reservas são com cancelamento gratuito. Você pode reservar para garantir o preço, e continuar acompanhando as reservas. Se achar uma oferta melhor de outro hotel, é só cancelar a reserva, sem custo, online.
Procurando carro para alugar em Alagoas?
Use o banner localizado na lateral direita dessa página, ou esse link aqui. Reservando seu carro através da nossa página e Rentcars, você não paga nada a mais por isso, e ainda fornece uma pequena comissão para o blog. Nós já experimentamos o serviço e aprovamos.
Para ver nossas fotos de Alagoas nos siga no Instagram @Fran_agnoletto, através da #ViagensqueSonhamosemAlagoas. Curta também nossa página no Facebook.

14 comentários:

  1. Francine, Parabéns pelo Blog, está muito legal. Estou indo com minha esposa e bebe para Maceio e ficarei no Salinas Maceio. suas dicas valem ouro! Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!!!
      Nós ficamos no salinas de Maceió e adoramos.
      Acompanhe os relatos que até o final de semana publico o review do salinas de Maceió.
      Abração

      Excluir
  2. Eiiii Fran! Ficou escelente seu post! Completão mesmo ! achei o máximo e vai ajudar muita gente que pretende ir pra lá! Abração!!!!

    ResponderExcluir
  3. Fran que demais esse seu relato, a Susana que me falou pra entrar no seu blog  Pois eu estava a procura de alguém que esteve em Maceio em Maio e para minha surpresa achei você  Estamos nos programando para ir em Maio para lá também.
    Você foi neste ano?
    Achei linda suas fotos.
    Parabéns pelo blog.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camila!!!!
      Muito obrigada!!! Fico muito feliz que tenha gostado!
      Nós fomos em maio desse ano e amamos. Fiquei muito surpresa com Maceió e o litoral norte de Alagoas. Foram férias incríveis!!
      Beijão!!!

      Excluir
    2. Fran, obrigada pelo retorno :)
      Fiquei feliz em encontrar seu blog.
      Parabéns. Bjs

      Excluir
  4. De todos os roteiros que já li, o seu foi o melhor!
    Parabéns pelo blog.

    ResponderExcluir
  5. Olá Fran,

    tem uma estimativa de quanto gastaram no total dessa viagem?

    Obrigado e parabéns pelo blog!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rafael,

      Infelizmente nao tenho essa estimativa.
      As passagens nós emitimos por milhas. Na região os preços não são altos, porém viajamos em época de baixa temporada, final de maio. O maior custo ficou por conta dos hoteis, no caso do Salinas, mas em compensaçõa, incluía todas refeições e bebidas, o que acabou saindo um ótimo negócio.

      Espero ter ajudado,
      beijos

      Excluir
  6. Gente amei o post! Sabiam que o salinas Maragogi foi eleito o segundo melhor resort do mundo!? Se quiserem conferir essa é outras informações turísticas sobre Alagoas acessem Iapoys.blogspot.com abraços!

    ResponderExcluir
  7. Gente amei o post! Sabiam que o salinas Maragogi foi eleito o segundo melhor resort do mundo!? Se quiserem conferir essa é outras informações turísticas sobre Alagoas acessem Iapoys.blogspot.com abraços!

    ResponderExcluir
  8. Olá! E a segurança, o que acharam? Se sentiram tranquilos? Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito. Em nenhum momento nos sentimos inseguros.

      Excluir

Booking.com
Viagens que Sonhamos © 2016 - Todos os direitos reservados.