11 março 2018

Fernando de Noronha | Como planejar uma viagem para o paraíso brasileiro

Fernando de Noronha é  a ilha que desperta tantos desejos. Pelo menos em mim, despertava. Destino constante na minha lista de Viagens que Sonhamos, foram duas tentativas frustadas de conhecer o paraíso brasileiro, até realmente sair do papel. E como um sonho, fomos juntando as peças do quebra cabeça para que a viagem saísse do jeitinho que a gente imaginava.
Noronha é um destino afastado, pelo menos para nós gaúchos, que moramos no extremo sul do Brasil, e caro, visto que o acesso é restrito. Mas com planejamento e muita pesquisa é possível conhecer a ilha sem vender um rim 😂.
Nesse post eu compartilho com vocês as nossas descobertas e vivências testadas na ilha, para ninguém cair em roubada e aproveitar ao máximo o paraíso brasileiro.

Como comprar passagens para Noronha pagando pouco |

Voo para Noronha não é uma pechincha, embora que ultimamente até tenha aparecido algumas promoções bacanas.
As companhias aéreas que voam para Fernando de Noronha são a Azul e a Gol, com frequência maior de voos a partir de Recife. Para nós que voamos a partir de Porto Alegre é quase uma viagem internacional.
A maneira mais econômica, sem sombra de dúvidas é viajando de milhas. Como nós não tínhamos milhas suficientes, pesquisei as passagens no MaxMilhas e vi que valia muito a pena. Pagamos quase a metade do preço, do que seu eu tivesse comprado as passagens direto no site da companhia aérea. Para quem não conhece ou nunca usou MaxMilhas, veja o post que escrevi sobre o assunto.
Nós voamos Porto Alegre - Guarulhos - Recife - Noronha na ida e o mesmo trajeto contrário na volta, com a Azul e foi tudo ótimo. Achei excelente esse voo da Azul, para nós que partimos de Porto Alegre, pois deixamos a capital gaúcha pouco depois das 6h e no início da tarde já estávamos em Noronha.

#Dica: Muitas pessoas recomendam sentar no lado esquerdo do avião, para pousar na ilha com a vista dos Dois Irmãos. Eu confesso que me atrapalhei nas reservas e acabei sentando do lado direito e mesmo assim a chegada é espetacular.

Onde se hospedar em Noronha |

Pesquisei muito antes de definir onde nos hospedar na ilha. Hospedagem em Noronha tem o custo bastante elevado e parecia oferecer pouco em comparação ao preço cobrado. Decidi dividir a nossa hospedagem em duas pousadas diferentes, para poder conhecer localizações diferentes.
Ficamos hospedados na Alto Mar Guest House e na Pousada Estrela do Mar. Ambas em estilo e localização diferente, mas café da manhã excelente, quarto bom, e equipe nota 10. Voltaria nas duas!
Vi sim, muitas opções bem simples por lá, que não fazem muito o nosso estilo, e pelo preço acho que compensa pagar um pouco mais e ter mais conforto e privacidade, dependendo do seu estilo de viagem. Fizemos todas as reservas pelo Booking.com.
Um fator que é importante você saber, é que muitas pousadas oferecem transfer gratuito de e para o aeroporto. Parece uma super vantagem, mas muitas vezes não é. O transfer é oferecido por agências que muitas vezes levam os turistas até sua sede, em uma tentativa de vender passeios, antes de levá-los até a sua hospedagem, o que pode acarretar um atraso de 3 horas em sua chegada na pousada. Nós utilizamos o translado oferecido pela pousada Alto Mar Guest House, com serviço prestado pela agência Noronha Tour e não temos queixa. No momento do desembarque, estavam nos aguardando com placa de identificação, fomos encaminhados à van, que em seguida seguiu diretamente para as pousadas. Claro que a guia que nos acompanhou ofereceu os passeios que a agência vende, mas o tempo de deslocamento foi bastante curto e ainda conseguimos aproveitar a tarde e o por do sol.

Opções com excelente custo benefício:

Alto Mar Guest House: Adoramos a localização, o café da manhã é fantástico e a equipe nota 10. O nosso quarto possuía vista para o mar com um terraço delícia e era bem grande e espaçoso. Os quartos são distribuídos em uma única edificação, mas todos com acesso independente e muita privacidade.
Pousada Estrela do Mar: Localizada na Floresta Nova, a uma curta caminhada da Praça Flamboyant, a pousada está localizada em uma área ampla e cada quarto está localizado em um chalé. O café da manhã é sensacional e a equipe super prestativa e gentil. Adoramos.
Pousada Miragem: Quase escolhi a Miragem para se hospedar e durante o nosso período na ilha, fui conferir suas instalações. A localização é maravilhosa, e os quartos muito bons, com vista para o mar.

Opções econômicas:

Pousada do Guilherme: A localização é ótima, na Vila dos Remédios e a pousada é super bem avaliada entre quem se hospedou por lá.

Opções de padrão elevado:

Pousada Maria Bonita: A pousada dos globais Bruno Gagliasso e Gio Ewbank tem despertado grande curiosidade na ilha, principalmente pela presença constante de famosos. No período que estivemos na ilha, Preta Gil e Fernanda de Souza estavam hospedados por lá. A pousada é muito bonita e tem uma localização muito boa.
Pousada do Zé Maria: Praticamente um ícone de Noronha, todo mundo que pesquisou alguma vez na vida sobre a ilha, já deve ter ouvido falar no Zé Maria. Parece muito bacana, mas infelizmente estava fora do meu orçamento.
Pousada do Vale: Entre as pousadas "top"a Pousada do Vale despertou minha atenção pela infra estrutura e arquitetura e também pelas ótimas avaliações de quem se hospedou por lá. O preço não é tão alto como as demais citadas, e o serviço oferecido parece ser excelente. Ótima dica para quem quer pagar um pouco a mais em troca de conforto e mimos.

Como se deslocar pela ilha - Vale a pena alugar buggie?

Como se deslocar pela ilha é outro fator que tínhamos muitas dúvidas. Nós alugamos buggie por todo o período e não poderíamos ter feito escolha melhor.
Ônibus é mais barato? Sim, com certeza. A tarifa em fevereiro de 2018 estava custando R$ 5,00, porém o ônibus te deixa longe das principais praias, sendo necessário caminhar em torno de 1,5 km- 2km em estrada de barro (que em dias de chuva fica um lodo só), com muitos morros.
Táxi é outra opção, mas também não é barato. Em Fernando de Noronha os táxis não usam taxímetro e sim uma tabela fixa. Entre pagar quase a mesma coisa e ter liberdade de ir e vir quando quiséssemos, optamos pela segunda opção.
Pesquisando onde alugar, antes de viajar, todas as tarifas ficavam em torno de R$ 300,00 a diária Conseguimos alugar pagando R$ 250,00 a diária negociando o aluguel direto pela pousada. O buggie estava em boas condições (não ficamos empenhados nenhuma vez - isso é bem normal por lá) e além do preço conseguimos negociar para devolver já no aeroporto algumas horas depois do prazo estipulado. O aluguel deve ser pago em dinheiro e o tanque é entregue vazio. Primeiro lugar do mundo, onde alugados o carro com tanque vazio. A primeira corrida foi direto ao único posto de combustível da ilha. Nos falaram que a média diária seria de 10 litros de gasolina, que em fevereiro de 2018 estava custando R$ 6,60 por litro. Nós andamos muito e gastamos menos do que isso.

Taxas obrigatórias em Fernando de Noronha |

São duas taxas obrigatórios que você deverá pagar para visitar Fernando de Noronha, a TPA ou Taxa de Preservação Ambiental e o ingresso do Parque Nacional Marinho.
A TPA deve ser paga antes de chegar na ilha, ou no aeroporto no momento da chegada. Funciona como se fosse uma imigração em algum outro país. Você desembarca e vai direto para a fila da TPA. Existem duas filas, uma para quem já pagou online e costuma ser mais rápida e outra para quem precisa pagar no local. Esse é o link para pagamento. Para 2018 a taxa é de R$ 70,66 por dia.
O ingresso para acesso ao Parque Nacional Marinho pode ser pago antecipado por esse link ou na ilha, em dois pontos diferentes: na praça Flamboyant ou no ICMBio ao lado do Projeto Tamar. O ingresso custou R$ 97,00 em fevereiro de 2018 e é válido para 10 dias.  Somente com esse ingresso você poderá visitar as praias do Sueste, Leão, Atalaia e Sancho.
Mesmo que você tenha pago antecipado, chegando na ilha é preciso trocar o voucher por uma carteirinha, que permite acesso às praias e também ao agendamento de algumas trilhas. Sugiro visitar o ICMBio no dia da chegada à Noronha, pois as trilhas esgotam com muita facilidade, já que o número de visitantes é limitado. Nós só conseguimos agendar a Atalaia Curta e amamos o passeio. Não deixe de fazer.

Passeios e trilhas. É preciso agendar com antecedência?

Essa é uma questão que me deixou bastante confusa antes de viajar, principalmente em relação ao Ilha Tour, um dos passeios mais vendidos por lá. Nós optamos em não reservar nenhum passeio, e não nos arrependemos.
Como alugamos buggie achamos muito mais tranquilo fazer tudo por conta própria, conhecendo as atrações de acordo com as condições do tempo, e o melhor, no "nosso tempo". Como viajamos em época de baixa temporada (se é que isso existe em Noronha) havia muita oferta de passeios e Ilha Tour em todas agências.
Assim que chegamos na ilha, fomos à sede do ICMBio para fazer a carteirinha do Parque Nacional Marinho e agendar as trilhas. As trilhas só podem ser agendada com no máximo 4 dias de antecedência e a única trilha que conseguimos agendar foi a Atalaia Curta, que era a que pretendíamos fazer.
Mergulho no Atalaia

Restaurantes que você precisa conhecer em Fernando de Noronha |

Outro fator que me surpreendeu demais foi a gastronomia. Antes de viajar, li vários relatos que comida tinha o custo muito elevado na ilha. E realmente é mais caro que no continente, mas o serviço entregue é espetacular. Restaurantes diferenciados, com cardápios maravilhosos, na faixa de R$100,00 por pessoa. Mas também existem opções mais econômicas, inclusive com buffet a quilo. Come-se bem demais na ilha.
Alguns restaurantes que conhecem em Noronha e adoramos:
  • Noronha All Nature: Opções naturais e veganas, cujo destaque são os hambúrgueres gourmet. Provei o hambúrguer de camarão e amei. O preço é muito bom para os padrões de Noronha.
  • Varanda: O cardápio é bem variado, sendo a maioria pratos individuais. Escolhemos uma das porções para duas pessoas, que era peixe com crosta crocante, purê de abóbora e arroz de coco. estava muito bom, mas o grande destaque foi a sobremesa, o trio de brigadeiros. Simplesmente imperdível.
  • Xica da Silva: Escolhemos uma moqueca de peixe e estava muito gostosa. A maioria do cardápio são pratos individuais.
  • Cacimba Bistrot: Na minha opinião o melhor restaurante da ilha. O ambiente é muito bonito e cardápio maravilhoso. Escolhemos pastel de lagosta de entrada e peixe com crosta crocante a arroz de coco como prato principal. Faltou "espaço"para provar as sobremesas.
  • Empório São Miguel: Almoçamos duas vezes no Empório São Miguel porque gostamos muito das opções oferecidas. Durante almoço, o restaurante funciona no sistema de buffet por quilo, com cardápio bem variado e muito gostoso. Destaque para o bobó de camarão.

Qual a melhor época do ano para conhecer Noronha |

Escolhemos visitar Fernando de Noronha em fevereiro por ser época de surf na ilha. O que atrapalhou um pouco os nossos planos foi o grande swell que chegou por lá, durante a nossa hospedagem. O mar ficou revolto, alguns passeios foram cancelados e mesmo para quem queria surfar, as condições não eram as melhores.
Praia do Cachorro em época de surf
Para quem deseja mergulhar e ver praias calmas o melhor período é entre agosto e outubro. Para surf o melhor período é entre dezembro e fevereiro.
Os meses de março, abril, maio e junho costumam receber chuvas frequentes. Mas lembre que no nordeste as chuvas costumam ser passageiras, não inviabilizando os passeios.
Praia Sueste
No réveillon a ilha vive seu período de altíssima temporada e os preços consequentemente vão as alturas.
Vale a pena visitar Fernando de Noronha em fevereiro, se não tiver a intenção de surfar? Com certeza! Mesmo com o swell, conseguimos aproveitar as outras praias, como o Sueste, o Sancho, o Leão, que foi a minha praia preferida.
Praia do Leão

Vale a pena conhecer Noronha?

Se você nunca cogitou visitar esse paraíso brasileiro, reveja seus conceitos. Nós adoramos o clima da ilha, o vai e vem de buggies, a facilidade de atravessar a ilha e conhecer muitas praias em questões de minutos, a beleza marinha, os banhos de mar maravilhosos.
Com certeza, a ilha tem muito a evoluir. Falta infra estrutura e é triste ver que as altas taxas de preservação que pagamos, não permanecem por lá. Mas é um local repleto de história e abençoado pela natureza. Eu apenas não indicaria o destino para pessoa com dificuldade de locomoção ou pais com bebês pequenos. Nós ainda voltaremos, mas dessa vez em uma época propícia para o mergulho, pois não foi dessa vez que vimos os famosos golfinhos de Noronha.
Outros blogs com ótimo conteúdo sobre Noronha que nos inspiraram nessa viagem:
Outros posts sobre Fernando de Noronha:
Para ver mais fotos e dicas, nos acompanhe no Instagram no perfil @Fran_Agnoletto e na #ViagensqueSonhamosEmNoronha
Reserve sua viagem__________________________________
🏨  Reserve  HOTEL no BOOKING.COM, pagando em moeda local, com garantia de menor preço e cancelamento gratuito.
📍Compre INGRESSOS, PASSEIOS e atividades com a TOURON, com garantia de menor preço e parcelamento em até 6 vezes no cartão ou boleto bancário. Evite filas e ganhe tempo.
💪Compre SEGURO VIAGEM com a SEGUROS PROMO. Utilizando o código VIAGENSQUES5, você recebe 5% de desconto adicional e ainda pode parcelar em até 12 vezes no cartão de crédito ou com 5% de desconto adicional no pagamento com boleto bancário. Lembre-se que o seguro viagem é OBRIGATÓRIO NA EUROPA, mas recomendado em todos os países do mundo. Conheça todos os detalhes importante na hora de contratar um seguro viagem e também as vantagens do plano Multi Trip para quem faz mais de uma viagem internacional por ano.
🚘  Alugue  CARRO com a RENTCARS, que possui os melhores preços entre várias locadoras do Brasil e do mundo. Pague em até 12 vezes no cartão de crédito ou com 5% de desconto no boleto bancário.
📱 Compre CHIP DE CELULAR para utilizar nos Estados Unidos e em outros 140 países, com a EASYSIM4U. Receba o chip na sua casa e instale assim que chegar no destino, sem burocracias ou perda de tempo. Utilizando o código VIAGENSQUESONHAMOS o frete é gratuito. Veja os detalhes da nossa experiência com o chip nos Estados Unidos e também durante um cruzeiro pelo Caribe.

SalvarSalvar

3 comentários:

  1. Olha se tem um lugar no Brasil que ainda me interesa visitar é Noronha. Mas os custos e a dificuldade de hospedagem me deixam meio receosa. Mas com seu post ficou tudo mais claro. Obrigada pelas dicas. Besito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Poliana,
      É caro sim, mas com planejamento não dói tanto hahaha
      Vale muito a pena conhecer!!!!!

      beijos

      Excluir
  2. Olá,Francine
    Lugares belíssimos ! Achei o post muito esclarecedor sobre algumas situações da ilha como o preço muito caro do buggy. Como é o avião de Recife para Fernando de Noronha ? 2 e 2 lugares ? Sou muito medrosa com aviões pequenos

    ResponderExcluir

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Pesquise aqui qualquer conteúdo do Viagem que Sonhamos, tecle enter